sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Retomando o rumo.....

Mais uma vez um 2012 fantástico.
Parei um trabalho meio complicadinho aqui, para contar rapidamente....
Quando um amigo querido, escreveu por para mim, sobre a minha ida para a Irlanda, fiquei pensando e preocupada quando ele disse que "Nada vai mudar por vc, só porque vc mudou de lugar. Por isso é preciso estar pronta para o desafio, porque o que está doendo agora pode doer infinitamente mais quando vc estiver perdida aqui do outro lado do planeta.... "
Me preocupei porque realmetne seria isso que aconteceria, afinal estou aqui em Petropolis há 6 anos e conheço poucas pessoas, mas amizade aquela de ir para o bar encher a cara como no RJ, tem não e não acho justo fazer isso com pessoas que não nos conhece na alma e olha que conhecer na alma, não é sinônimo de conhecer há anos, sei meu amigo que sabe disso.
Hj me sinto muito feliz. A felicidade veio aos pouquinhos e sem motivos magnânimes, se bem que a vida já e um motivo infinito de felicidade. Sempre fui muito criticada por fazer várias coisas ao mesmo tempo e foram tantas as críticas que murchei. Mas agora consigo enxergar a vida de outra forma, não sei como aconteceu, mas aconteceu e penso que essas coisas de fazer tudo junto, misturado, tem hj um propósito. Eu amo estudar linguas, já fiz curso de alemão, italiano, frances e cheguei a um nível muito bom de inglês, abandonei tudo há anos e hj estou em básico bem ruim.
Nesses ultimos dias, peguei todos os livros e voltei a dar umas olhadinhas em tudo e acredite ou não me acho capaz de tomar o rumo de novo e de me colocar uma data para de novo chegar no mesmo nível que me encontrava, não é fácil, mas eu acredito que sou capaz, sim. E ai hj veio um insigth que vivendo na Irlanda eu vou ter a chance de vivenciar cada pedacinho da Europa, treinar ingles na Irlanda, Inglaterra, italiano na Itália, gente tem coisa melhor?
Sim, eu sei que isso é lógico, mas eu não tinha percebido. Nunca mais vou deixar ninguem me murchar, dizendo que obrigatoriamente tenho que fazer uma coisa de vez, cada um é cada um e temos que ser como nos bem entendemos, porque ao quebrar a cara, de quem é esta?
Meu peito parece que vai explodir, só senti isso quando era adolescente e em raros momentos na fase mais adulta. E vou te contar etá sensação boa. É como se nada seja capaz de mudar o rumo que tracei. É isso Bjusss